posts anteriores

Junho 2015

Não são poucas as virtudes que eu poderia apontar no menu de outono do Bazzar, que experimentei no final da semana passada, num derradeiro suspiro desta que é minha estação interior de janeiro a dezembro.

Da concepção dos pratos ao frescor dos ingredientes, o menu revela o empenho de Cristiana Beltrão...

Junho 2015

Ícones do Slow Food, essas duas casas irmãs compartilham a mesma filosofia: cozinha a serviço do brilho dos ingredientes do território, abordados com perícia na execução de receitas regionais. A primeira está em Alba. A segunda, em Bra, berço do movimento fundado por Carlo Petrini. A conexão não poderia ser...

Maio 2015

Minhas refeições mais felizes no Piemonte aconteceram na Osteria da Gemma, de que falei no último post, e no Guido, em Serralunga d'Alba. Dois restaurantes que me soam tão díspares quanto semelhantes. Se a rusticidade de um e o requinte do outro os distanciam, a sintonia entre proposta e resultado...

Maio 2015

Minha primeira refeição no Piemonte aconteceu na Osteria da Gemma. A cozinha tradicional, rústica e familiar praticada na casa propõe um percurso por muitos dos clássicos do receituário piemontês e se revela uma bela introdução à culinária da região.

Não há cardápio. Você se acomoda, os garçons começam a trazer comida...

Abril 2015

Estive na La Guapa em três ocasiões desde sua inauguração no ano passado. Uma vez na matriz, no Itaim; outras duas na filial recentemente instalada no segundo andar da Livraria da Vila, nos Jardins - cujo ambiente me pareceu mais agradável que o da primeira unidade, o que em muito...

Abril 2015

Dia desses, relendo Rubem Braga, eu me perguntava o que sentiria o cronista se viesse fazer um passeio no Brasil de hoje. A reflexão brotou das linhas de uma crônica de 1946, em que ele se referia ao Rio de Janeiro como cidade aflita, onde os problemas urbanos crônicos se...

Abril 2015

Ainda não era meio-dia quando cheguei à penúltima edição da feira de comida Junta Local e já havia na Casa da Glória mais gente do que minha fobia de multidões me permite suportar. Pensei em ir embora. Felizmente, reconsiderei. Não consegui alcançar todos os pontos – era um mar de...

Março 2015

Sou crítica contumaz de boa parte dos prêmios de gastronomia, nacionais e internacionais. Por um simples motivo: são poucos os júris em que se imponha anonimato aos jurados ou em que haja ao menos a certificação de que, ainda que não circulem anonimamente, eles procedam com autonomia e isenção. Não...

Março 2015

A nova casa de Vitor Sobral em São Paulo inspira-se na informalidade e nos sabores francos das tascas portuguesas – permitindo-se o chef, aqui e ali, algumas licenças poéticas. Há um pequeno rol de pratos mais substanciosos, mas a essência do cardápio se desenrola em torno de conservas, petiscos e...

Fevereiro 2015

Valho-me das palavras de Guimarães Rosa na tentativa de antecipar minha defesa. O assunto deste post é daqueles que não sei abordar sem paixão. Sempre que vem à baila, acabo recebendo pedrada. Percebo que muita gente reputa exagerada minha costumeira ladainha, mas ainda não houve quem me fizesse mudar de...

recentes 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 anteriores
© Pra quem quiser me visitar - Todos os direitos reservados

Envie para um amigo:

*
*

Assinar Newsletter:

Remover email: